CONFECÇÃO DE DOBRADURAS

           O estudo da geometria leva o aluno a observar e constatar formas nos objetos que nos rodeiam, a manusear diferentes materiais, comparar, levantar hipóteses e concluir.
       Achamos importante começar com construções de figuras geométricas traçadas a mão livre e, posteriormente, utilizar instrumentos indispensáveis como régua, compasso, transferidor, etc, bem como a confecção da borboleta maluca para o estudo dos ângulos.
      Abordaremos o tema de confecção de dobraduras para facilitar a aprendizagem do aluno, envolvendo papéis coloridos e muita criatividade da parte do aluno, fazendo com que ele veja os principais ângulos e as figuras geométricas com a maior praticidade possível.

         


        OBJETIVOS DO PROJETO
   

    *Reconhecer e representar os vértices, os lados e os ângulos das figuras trabalhadas e desenvolvidas.
    *Classificar os triângulos de acordo com seus ângulos e lados.
    *Desenvolvimento da percepção visual para entender como se faz a figura.
  *Desenvolvimento da percepção geométrica, pois mesmo sem muitas habilidades o aluno reconhece se chegou onde queria.
    *Se espera que e o aluno reconheça as características das figuras geométricas planas.
    *Desenvolvimento do trabalho autônomo, ou seja, o aluno tem que ser capaz de fazer as dobraduras sem que o professor as faça para ele.
   
*Estratégias mentais. Do contrário a folha se amassa toda e as propriedades se confundem.
    *Podemos perguntar: "Será que dobrando dessa maneira eu posso chegar na figura que desejo?"
E isso faz o aluno pensar antes de dobrar.




        ATIVIDADES:

TRIÂNGULOS            QUADRILÁTEROS            BORBOLETA MALUCA

      Equilátero                        Quadrado                 Quando terminar, arremesse-a
                       
       Isósceles                         Retângulo              no ar e compreenderá por que a
      Escaleno                     Paralelogramo          chamamos de Borboleta Maluca.
                                                                  
                                                Trapézio
                                               
                                                Losango     


       A partir de uma folha de ofício, exemplo A4. Temos que essa folha é um retângulo, fazendo algumas dobraduras chegamos a um quadrado e assim a outros quadriláteros especiais como losangos, trapézios e paralelogramos.
      Aprenderemos a reconhecer e representar vértices, lados e ângulos de todos esses quadriláteros.

   Fazendo algumas dobraduras em uma folha quadrada chegamos aos triângulos. E assim, conseguimos verificar e visualizar suas classificações quanto a seus lados e ângulos.